Notícias

Pela primeira vez na história, um Seder de Pessach será realizado na Catedral Metropolitana de Porto Alegre

28.03.2017

Porto Alegre vai sediar um evento histórico no próximo dia 11 de abril. Pela primeira vez será realizado dentro de uma igreja católica – a Catedral Metropolitana de Porto Alegre -, uma ceia de páscoa judaica – o seder de Pessach. “É provavelmente o primeiro no mundo, já que não se tem registro de nada semelhante”, diz o rabino Guershon Kwasniewski, da sinagoga Sibra.

Guershon conta que a ideia surgiu em uma conversa com o bispo auxiliar, Dom Leomar Brustolin. “Surgiu da curiosidade e da vontade de sairmos da esfera da liderança religiosa para estender esse diálogo para as comunidades. Será um momento de profunda espiritualidade em que iremos transitar pelos rituais judaicos, além de experimentar os pratos feitos especificamente para a páscoa”, complementa o rabino.

Para o arcebispo metropolitano de Porto Alegre, Dom Jaime Spengler, a experiência vai ao encontro daquilo que o Papa Francisco pede. “Ou seja, construir pontes, espaços de aproximação e diálogo, e também de fé”. Além de Dom Jaime, toda a cúpula da igreja participará. Serão 300 pessoas reunidas, entre as comunidades judaica e católica.

O ritual será 100% judaico, contemplando 15 passos da liturgia e todos os alimentos típicos da cerimônia. A ceia, que ocorrerá a partir das 19h30, no salão nobre da Catedral, é aberta ao público, com jantar por adesão. O valor do convite é de R$90 para adultos e R$70 para crianças de 4 a 11 anos. De 0 a 3 são isentos. Os ingressos podem ser adquiridos pelo telefone (51) 3331-8133. Mais informações no site arquidiocesepoa.org.br.

Serviço:

Evento: Seder comunitário de Pessach na Catedral Metropolitana de Porto Alegre

Quando: 11 de abril

Horário: 19h30

Onde: Salão nobre da Catedral Metropolitana de Porto Alegre – R. Duque de Caxias, 1047 – Centro

Sobre o Pessach

 O Seder marca o início do Pessach. É uma cerimônia que une o ritual religioso a uma ceia repleta de alegria. A palavra seder significa ordem: de acordo com as tradições judaicas, a cerimônia segue uma ordem pré-definida. O propósito da cerimônia é fazer com que cada judeu reviva a experiência dos seus antepassados na noite em que partiram do Egito. Todos os rituais e comidas simbólicas do Seder ajudam a lembrar a história do êxodo do Egito.

A Matzá

 Durante todo o período do Pessach, os judeus não podem comer nada feito com fermento. Os alimentos fermentados – chamados de chamêts – são proibidos. Assim, no lugar do trigo, da cevada, do centeio e da aveia é usada uma farinha especial feita de matzá, o pão ázimo. A história conta que com a pressa da saída, esse era o tipo de alimento possível de preparar. Em lembrança a este alimento, durante o Pessach a casa é limpa de todos os alimentos feitos a base de fermento, chamados de chamêts.

Leia Mais

Araújo e Netanyahu acertam detalhes da visita de Bolsonaro a Israel

Convidado pelos Estados Unidos e Polônia, o chanceler brasileiro está em Varsóvia participando de uma conferência sobre o Oriente...

Leia mais

15.02.2019

Reitor da melhor universidade de Israel desembarcou no Brasil para desenvolver programa aeroespacial

O Instituto de Tecnologia de Israel (‎Technion) é uma das principais escolas de formação em Ciência e Tecnologia do mundo....

Leia mais

15.02.2019

“Necessária revisão na relação com Israel” – Ney Carvalho (O Globo)

A vinda de Benjamin Netanyahu à posse de Jair Bolsonaro e sua posterior condecoração com a Ordem do Cruzeiro...

Leia mais

15.02.2019

Conheça as startups mais valiosas de Israel

Israel ganhou fama de ser um oásis da tecnologia e passou a ter visibilidade graças ao empreendedorismo de sucesso...

Leia mais

15.02.2019

Quem é Davi Alcolumbre, o 1º judeu presidente do Senado?

O Senado elegeu neste sábado (2), o parlamentar Davi Alcolumbre (DEM-AP) como presidente. Ele obteve 42 dos 77 votos,...

Leia mais

08.02.2019